Caminhando ...
this site the web

Caminhantes

O Mundo Vital – O Corpo Vital


É necessário desenvolver certas faculdades supranormais, com o propósito de explorar a vida interna do planeta Terra, mas se não começamos por conhecer a nós mesmos, tais faculdades não se desenvolverão plenamente. Assim que vale a pena entender o que é a vida interior e suas responsabilidades. Que nosso planeta Terra tem um corpo vital? Isso não se pode negar, é óbvio que tem! Nós também temos uma base vital orgânica, e sem essa base vital, o corpo físico não poderia existir.
Na hora da morte, o corpo físico vai ao sepulcro, junto com o vital. Esse corpo vital vai se decompondo lentamente diante do sepulcro. Tem uma cor fosforescente, brilha como os fogos-fátuos da meia-noite. Os videntes costumam até ver o corpo vital diante das sepulturas, decompondo-se lentamente, à medida que o corpo físico também vai se decompondo. O corpo vital é a base, repito, da vida orgânica. Nenhum corpo físico poderia funcionar sem esse nexus-formativus, sem esse corpo vital, que é fundamental para a biologia, para a química, para a fisiologia etc.
Aprofundar-se nessa questão é urgente, inadiável, impostergável. Mas, como é o mundo vital? Porque se nós possuímos um corpo vital, o planeta Terra tem também de possuí-lo. Obviamente, o corpo vital do planeta Terra é o Éden, o Paraíso, a Terra Prometida da qual falou Moisés, o grande cabalista iniciado, o grande legislador hebraico. Quem tiver desenvolvido as faculdades extraordinárias do corpo vital poderá viajar com tal veículo no Éden. Não quero dizer que a totalidade do corpo vital possa ser utilizada para viajar no Paraíso.

O corpo vital tem quatro éteres: primeiro, o Éter Químico, que serve de base às forças químicas que trabalham no organismo, tanto nos processos de assimilação como de eliminação; segundo, o Éter de Vida, relacionado diretamente com os processos da reprodução da espécie; terceiro, o Éter Lumínico, que se relaciona com as percepções, com as calorias etc.; e, por último, o Éter Refletor, que é o veículo da Imaginação e da Vontade. Portanto, o corpo vital tem quatro éteres, e é o fundamento da vida orgânica. O Iniciado pode extrair os dois éteres superiores do corpo vital para viajar com eles pela região do Éden. Esses dois éteres superiores, repito, são o Lumínico e o Refletor. Com tal veículo, alguém pode estudar o Éden, o Paraíso Terrenal…
Os que supõem que o Paraíso Terreno esteve situado em tal ou qual lugar da Terra, estão equivocados. A explicação que a Bíblia dá, sobre os rios Tigre e Eufrates e o “Paraíso”, situado lá na Mesopotâmia etc., é completamente simbólica. O Paraíso Terreno é o corpo vital do planeta Terra, é a seção superior deste mundo tridimensional de Euclides. O corpo vital terrestre serve de base à vida orgânica de todo o nosso mundo Terra.
Certamente, o corpo vital contém, em si mesmo, duas esferas: a primeira, diria, a Lua; a segunda, a Terra (são como duas gemas de um mesmo ovo). Isso parecerá insólito, mas no fundo não o é.
Lembremos que a Lua que nos ilumina no espaço infinito um dia teve vida, e vida rica e abundante; mares profundos, vulcões em erupção, vida vegetal, animal, humana etc.
Aqueles pseudoesoteristas, ou Iniciados, que afirmaram que a Lua era “um pedaço da Terra lançado ao espaço”, ficaram muito mal com as explorações feitas pela Nasa. Os distintos fragmentos lunares, examinados com o carbono-14, indicaram que a Lua é mais antiga que a Terra. Então, é evidente que não é um pedaço de crosta terrestre lançado ao espaço, como supõem muitos ignorantes equivocados.
Que a alma lunar tenha sido um dia transferida a nosso mundo Terra? Isso é óbvio!
Depois que esse mundo (a Lua) se converteu em um cadáver, sua alma lunar, seu princípio vital, foi transferido para esta região do espaço e serviu de nexus-formativus para nosso planeta Terra. Por isso é que nossos antepassados de Anáhuac chamavam a Lua de “Nossa Avó Lua”. Blavatsky dizia que “a Lua é a mãe da Terra”. Para os Iniciados de Anáhuac, a Lua é “a avó”, porque a Lua é a mãe da Terra, e se a Terra é a nossa mãe, então a Lua é nossa avó.
Vejam vocês como eles, com grande sabedoria, definem algo que os modernos intelectuais, de tantas “badalações”, não puderam definir (eu, em realidade, tenho visto que a sabedoria é espantosamente simples, de uma ingenuidade e uma inocência que assombram). Obviamente, a Lua joga um grande papel na economia orgânica de nosso mundo Terra. Como o corpo vital da Terra abarca também a Lua, por isso a Lua pode atuar de forma mais direta sobre nossa Terra, sobre os organismos etc.
Já sabemos o papel que tem em relação com as altas e baixas marés, já sabemos a relação que tem com a função ovariana no sexo feminino, já sabemos a relação que distintas enfermidades têm com os ciclos lunares, a saúde mental dos internos em manicômios (que nas mudanças de Lua pioram ainda mais) etc. A Lua influi diretamente na concepção de todas as criaturas vivas. Na Crescente, a seiva sobe, e na Minguante desce, e isso é extraordinário…
O Mundo Vital é algo que vale a pena investigar. No Éden, isto é, no Mundo Vital, existem verdadeiras maravilhas. Quem souber viajar com o corpo vital pelo Paraíso poderá ver as raças humanas que aí existem.
Há raças paradisíacas que vivem na quarta vertical, que são humanas. Convivem conosco, ao nosso lado, mas são invisíveis para nós. Conheço uma raça dessas, e têm corpo físico, e se reproduzem como nós e convivem ao nosso redor, sem que as pessoas as vejam, graças às distintas modificações da matéria.
Ainda há raças humanas que não saíram do Paraíso e são felizes, pessoas de carne e osso, invisíveis para pessoas que vivem na região tridimensional de Euclides… gentes edênicas, paradisíacas, que ainda não comeram daquele fruto do qual nos foi dito: “Não comais, porque se comerdes desse fruto, morrereis!”, pessoas que souberam obedecer esse mandato…
O Mundo Vital ou Mundo Etérico é precioso. As montanhas ali são transparentes como o cristal e têm uma bela cor azul, os mares se veem azuis, e os campos… a cor básica, fundamental, do Éden, é o azul; mas isso não quer dizer que não exista toda gama de cores no Éden. Existem, mas o fundamental é o azul intenso do Éter.
O Mundo Vital é precioso. Ali há templos extraordinários, ali estão os templos dos elementais da Natureza… Cada planta, por exemplo, é o corpo físico de um elemental. Uma é a família das laranjeiras, outra a dos pinheiros, outra a das hortelãs, outra a das roseiras etc. Essas famílias elementais vegetais têm seus templos no Éden, ali  essas criaturas inocentes se reúnem para receber instrução dos Devas que as governam. Quem souber viajar em corpo etérico, poderá perfeitamente verificar, por si mesmo e de forma direta, o que nesses instantes estou enfatizando.
Bem vale a pena inquirir, estudar mais a fundo esta Doutrina, para descobrir tantos prodígios…
João Batista, indubitavelmente, vive no Mundo Vital, isto é, no Éden, no Paraíso. João Batista é um verdadeiro Iluminado, um Christus, alguém que já encarnou em si mesmo o Verbo, a Palavra, o Cristo Íntimo.
Para poder penetrar no Éden, é necessário saber viajar com o corpo vital e haver recebido educação esotérica profunda…

0 comentários:

Entrego este Blog para todos vocês

Entrego este Blog para todos vocês
DEUS vos abençõe

CHAMA

CHAMA

LUZ VIOLETA

"EU SOU um ser de Luz Violeta! EU SOU o Amor que DEUS deseja!"

Fixe seus olhos na Chama Violeta, visualize o seu corpo dentro dela, a chama violeta penetra no seu corpo. A chama violeta se expande, se expande, se expande cada vez mais, transmutando e purificando tudo em nós e à nossa volta que não seja paz , equilíbrio, bem-estar, amor, harmonia e luz.

(O exercício pode ser feito substituindo as palavras paz, amor, ..., por exemplo: sua casa, seus parentes, uma situação...)

TUBO DE LUZ

Deus Todo-Poderoso, presente em meu coração:

Projeta em torno de mim um tubo de força eletrônica.

Torna-o tão possante que nada de mal possa atravessá-lo.

Faz que eu seja invisível, invencível, invulnerável

a tudo que não é teu amor, tua sabedoria e teu poder.

Obrigado, Ó Deus Todo-Poderoso, tú atendeste ao meu apelo!

(visualize um tubo de Luz branca ao seu redor a um metro e meio de distância)

MINHA ALMA

MINHA ALMA
A minha fotografia
ANALUZ
Infinitamente sonhadora... O meu maior sonho: - encontrar o sentido da VIDA
Ver o meu perfil completo

KODOISH, KODOISH, KODOISH ADONAI 'TSEBAYOTH

KODOISH, KODOISH, KODOISH ADONAI 'TSEBAYOTH



é o nome sagrado mais poderoso que conhecemos.

A sua tradução é Santo, Santo, Santo é o Senhor Deus das Hostes. É muito usado para proteção espiritual em geral e também para discernir os seres de Luz dos seres caídos.



Essa é a saudação usada pelos seres de Luz para saudar o Trono do Pai (Deus). Quando repetimos esse nome com essa mesma intenção, imediatamente ficamos alinhados com a Luz do Altíssimo Deus e essa emanação preenche todo o nosso ser e nos liberta de todo vínculo energético que não esteja alinhado com esse mesmo princípio.






COMO USAR ESSE NOME?


É simples! Basta repetí-lo com respeito por pelo menos três vezes. Pode ser falado em voz alta ou apenas mentalmente. Experimente!

ANJOS DO DISCERNIMENTO

Divinos Anjos do Discernimento, peço perdão por todo o carma acumulado. Que vossa divina presença ilumine meu caminho, desperte minha intelig6encia superior e me dê o divino discernimento de que preciso nesta hora de prova. Minha mente está confusa, então solicito luz para ver a senda espiritual. Uma rocha acesa para iluminar a escuridão. Que nunca me sinta sozinho nem afastado dos outros seres. Peço sabedoria para perceber a presença de Deus em todos os corações humanos. Tenho fé no poder espiritual, que me protege e orienta.

Video Bar

Loading...

CANTO DAS ORAÇÕES

CANTO DAS ORAÇÕES
clique na imagem e aceda

A ALMA MAIS PURA que habitou a terra

A ALMA MAIS PURA que habitou a terra

"Duvide de si mesmo e você duvidará de tudo que vê. Julgue a si mesmo e você verá juízes por toda parte. Mas se você ouve o som de sua própria voz, você consegue elevar-se acima da dúvida e do julgamento. E você consegue ver eternamente." (Nancy Kerrigan)

E POR QUE ATENTAS TU NO ARGUEIRO QUE ESTÁ NO OLHO DO TEU IRMÃO E NÃO REPARAS NA TRAVE QUE ESTÁ NO TEU PRÓPRIO OLHO?

Lucas 6.41 (arc)


«Por isso vos digo: Não estejais ansiosos quanto à vossa vida, pelo que haveis de comer, ou pelo que haveis de beber; nem, quanto ao vosso corpo, pelo que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o alimento, e o corpo mais do que o vestuário?



Olhai para as aves do céu, que não semeiam, nem ceifam, nem ajuntam em celeiros; e vosso Pai celestial as alimenta. Não valeis vós muito mais do que elas?



Ora, qual de vós, por mais ansioso que esteja, pode acrescentar um côvado à sua estatura?



E pelo que haveis de vestir, por que andais ansiosos? Olhai para os lírios do campo, como crescem; não trabalham nem fiam, contudo vos digo que nem mesmo Salomão em toda a sua glória se vestiu como um deles.



Pois, se Deus assim veste a erva do campo, que hoje existe e amanhã é lançada no forno, quanto mais a vós, homens de pouca fé?



Portanto, não vos inquieteis, dizendo: Que havemos de comer? ou: Que havemos de beber? ou: Com que nos havemos de vestir? (Pois a todas estas coisas os gentios procuram.) Porque vosso Pai celestial sabe que precisais de tudo isso.



Mas buscai primeiro o seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.



Não vos inquieteis, pois, pelo dia de amanhã; porque o dia de amanhã cuidará de si mesmo. Basta a cada dia o seu mal. Mt. 6.25-34»




A GRANDE INVOCAÇÃO


Do ponto de Luz na mente de Deus,

Que flua Luz à mente dos homens

E que a Luz desça à Terra.

Do ponto de Amor no coração de Deus

Que flua amor ao coração dos homens

Que Cristo retorne à Terra.

Do centro onde a vontade de Deus é conhecida,

Que o propósito guie as pequenas vontades dos homens,

Propósito que os mestres conhecem e servem.

Do centro a que chamamos a raça dos homens

Que se realize o plano de Amor e de Luz

E se feche a porta onde se encontra o mal.

Que a Luz, o Amor e o Poder

Restabeleçam o Plano Divino sobre a Terra

Hoje e por toda a eternidade. Amém.

******* *******

 

W3C Validations

Cum sociis natoque penatibus et magnis dis parturient montes, nascetur ridiculus mus. Morbi dapibus dolor sit amet metus suscipit iaculis. Quisque at nulla eu elit adipiscing tempor.

Usage Policies